DESPERDÍCIO (ANITA) – Poema

Chega…
Não quero mais imaginar.
Quero sentir;
Tirar a prova;
Olhar no olho;
Sussurrar;
Sentir a respiração.

Quero te comer;
Comer com os olhos;
Comer com a boca;
Me lambuzar.

Não quero mais usar a mente.
Quero minha mão no seu corpo;
A sua mão no meu;
Minha boca na sua;
Minha língua no seu.

Transar de roupa;
Pelado;
Suado.
Ficar com você o dia todo dentro de mim.

Quero te ver sorrindo;
Quero te ver gemendo;
Quero te ver morto.
Não quero mais.
Ficar molhada e ter que secar.
Chega.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s