MEDO DE ENTREGAR

Estou pra te dizer

que não posso mais conter

a vontade de olhar além

desse nosso viver.

Amo sim

mas quero ter

a paixão que não queria ver

o sofrimento, a dor

e não só a vontade de você.

Ao vê-la de pé, de frente

Beijei-a

apaixonadamente

mesmo tendo sua boca fugido

fui de encontro ao coração

constrangido

pois também tinha alguém,como

a ti tenho

(ou tinha)

Vivo da emoção

que a canção me fez lembrar

da escuridão daquela sala

onde apenas sentia o leve toque

da mão trêmula. E devagar

seguia eu, novamente a tentar.

pecado dela igual ao meu

se eu

do fundo da última gaveta

fizer deste

teu

28-08-08

v_logo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s