MINDSET

Que me cerquem amigos

Daqueles que não assistem noticiários

Ou acompanhem portais de notícia

E que não reclamem da vida

Ou da chegada da frente fria

Daqueles que sentem dor calados

Que compartilham apenas vitórias

Eles se comunicam através do silêncio

E não falam “se”

Ou de atentados, morte, assaltos…

Dormem pesado e acordam dispostos

 

Da bruma de Pessoa

Ou do morcego de Augusto

Quero distância

Desejo Pódio

A flor de Drummond

Que “furou o asfalto, o tédio, o nojo e o ódio”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s